Mangá Chainsaw Man ultrapassa 4,2 milhões de cópias em circulação

A mais recente edição da Weekly Shonen Jump revelou que o mangá escrito e ilustrado por Tatsuki Fujimoto, Chainsaw Man, ultrapassou a marca de 4,2 milhões de cópias cumulativas em circulação. Na verdade, no início de agosto, havia sido noticiado que a obra já havia ultrapassado os 3 milhões de exemplares em circulação, aumentando assim em 1,2 milhão em apenas 2 meses.

Chainsaw Man é uma das obras mais recentes da Weekly Shonen Jump e uma das grandes apostas para o futuro.


Sinopse:
Denji tem um sonho simples – viver uma vida feliz e pacífica, passando um tempo com uma garota de quem gosta. Isso está muito longe da realidade, no entanto, já que Denji é forçado pela yakuza a matar demônios para pagar suas dívidas esmagadoras. Usando seu demônio de estimação Pochita como arma, ele está pronto a fazer qualquer coisa por pouco de dinheiro. Infelizmente, ele sobreviveu à sua utilidade e é assassinado por um demônio que tinha um contrato com a yakuza. No entanto, em uma virada inesperada dos eventos, Pochita se funde com o cadáver de Denji e concede a ele os poderes de um chainsaw devil. Agora capaz de transformar partes de seu corpo em motosserras, o Denji revivido usa suas novas habilidades para acabar com seus inimigos de forma rápida e brutal. Chamando a atenção dos caçadores de demônios oficiais que chegam ao local, ele é convidado a trabalhar no Departamento de Segurança Pública como um deles. Agora com meios para enfrentar até mesmo o mais difícil dos inimigos, Denji não vai parar por nada para realizar seus sonhos adolescentes.