Faleceu o mangaká Izumi Matsumoto, autor de Kimagure Orange Road


O site oficial do mangaká Izumi Matsumoto anunciou que o autor de Kimagure Orange Road faleceu no dia 6 de outubro durante o sono enquanto estava hospitalizado. Na mesma postagem, Matsumoto dizia que estava um com ansiedade antes de realizar uma cirurgia no coração antes de retomar os trabalhos.
Em 2019, Matsumoto revelou que sofria de estenose espinhal, depois de anos sofrendo de dormências nas pernas. A estenose espinhal é marcada por dormência grave e debilitante causada pela pressão de sustentação nos nervos e músculos da medula espinhal, levando a um estreitamento do canal espinhal e subsequente dano ao nervo. Matsumoto conviveu com a doença por anos e até desistiu de desenhar mangás por causa da piora da condição com o passar dos anos.

Além do diagnóstico de estenose espinhal, Matsumoto conviveu com um quadro de hipovolemia do líquido cefalorraquidiano ao longo da vida, que teve uma recaída em 2016 após um ferimento na cabeça causado por um transeunte que passou correndo para pegar um trem, derrubando Matsumoto e, posteriormente, o deixou acamado. A mesma condição também o impedia de usar monitores  e dispositivos emissores de luz azul, o que o obrigava a contar com assistência para checar e-mails e o impedia de usar ferramentas digitais para ilustrar.


Ainda que Matsumoto seja mais conhecido como o autor de Kimagure Orange Road, ele também criou os alicerces da distribuição digital de mangás na década de 90, quando lançou a Comic ON, a primeira antologia de mangás digitais distribuídos via CD-ROM.

Deixamos aqui nossas condolências aos familiares, amigos e fãs de Izumi Matsumoto.